PASSANDO PELA HISTORIA

Ir em baixo

PASSANDO PELA HISTORIA Empty PASSANDO PELA HISTORIA

Mensagem por FLAVIO MARTINS COELHO em Sex Nov 06, 2009 1:21 pm

PASSANDO PELA HISTORIA

Redijo este texto-desabafo endereçado ao Sr Luiz Inácio da Silva.
Quando eu me referir ao Presidente, usarei o termo SENHOR, ao passo que quando eu me referir ao homem, jamais direi senhor, visto que ele não é digno do meu respeito.
O nome Luiz nos remete à um tempo ainda dentro da idade moderna, como símbolo de absolutismo, embora La na França a grafia fosse diferente, Luis com “s” no final era como se escrevia. Este mesmo Luis, segundo a historia se proclamou o Rei Sol com a célebre frase "L'État c'est moi", ou seja, O Estado Sou Eu!
Dirigindo-me agora ao cidadão Luiz, gostaria que ele assumisse publicamente a sua posição política em relação aos menos favorecidos.
Luiz, você que goza de grande popularidade segundo as pesquisas precisa saber que o Adolf Hitler também gozava de grande popularidade na Alemanha nos anos 30 do século xx. Você bem podia vir à público e dizer a sua real intenção em relação aos aposentados do RGPS, que a sua vocação natural é de ódio, tal como o Hitler desencadeou na Europa contra algumas raças. Somos nós os seus judeus, ciganos, russos, anões, eslavos ou outras raças “inferiores?
Votando à França, você, através da sua Secretaria de Comunicação, vai nos dizer que se não temos pão, que comamos brioches? Que se estamos doentes, tomemos chá caseiro? Se não temos médicos, que busquemos benzedeiras?
Por favor Luiz, assuma a sua responsabilidade em relação à degradação moral a que você submete os que fizeram de você um homem da política, impondo-lhes goela abaixo o amargo sabor da desgraça humana!
Luiz, dê ao Palocci, ao Vaccarezza. Ao Fontana, ao Pimentel, ao Padilha, ao Temer e quantos mais você achar que deve, aquele quepe com a insígnia da caveira com ossos cruzados, tal como s homens das SS usavam. Dê a eles os uniformes com os dois raios em formas de S no colarinho, dê a eles as armas regimentais para que eles possam executar o seu plano nefasto, de eliminar os menos favorecidos num campo de extermínio que pode ser em seus próprios lares, de forma a não ter que gastar com o ZICLON B. Diga, Luiz, que os aposentados são o estorvo do país, que os aposentados são “a raça inferir” e que precisam passar pelo processo de “desinfecção e despiolhamento”.
Falando em Palocci, Fontana, Vaccarezza, os nomes são bem sugestivos, não, Luiz? Afinal são nomes de italianos, isto nos remete ao “Dulce” Benito Mussolini, não é verdade? Assim seus aliados que devem usar as tais insígnias, seriam por excelência nazi-facistas. Ora, o nome de petistas então é só fantasia.
Diga, Luiz, da sua intenção de estabelecer um “reinado de mil anos” perpetuando-se no poder em nome dos trabalhadores, que quando se aposentarem terão o mesmo destino dos aposentados de hoje.
Luiz, você conta com o apoio maciço da população e de colaboracionistas, que travestidos de oposição rezam na mesma cartilha do seu Reichstag. Você conta com o apoio incondicional do Dr. Goebbels, representado pela grande mídia, você conta com o apoio do Sr. Julius Streicher e do Baldur Von Shirach, que induzem o povo a odiar os velhinhos, fazendo deles o bode expiatório da Previdência Social.
Saiba porem Luiz. Que no atentado que o heidrich sofreu em lidice, em 1942, em seu leito de morte, ele implorava a presença de um único judeu para pedir perdão e não encontrou nenhum, pois eles estavam sendo executados de forma sistemática. Morreu sem o perdão!
Ao Sr. Presidente Luiz Inácio da Silva cabe pensar se vale a pena entrar para a historia como o mentor e executor da “SOLUÇÃO FINAL DO PROBLEMA DO APOSENTADO NO BRASIL”
Sr. Presidente, pense que os homens passam, seus atos porem ficam registrados nos anais da historia, seja para sua exaltação, ou para sua VERGONHA!

Flavio Martins
Cidadão brasileiro

FLAVIO MARTINS COELHO

Mensagens : 5
Data de inscrição : 10/09/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum